24 de janeiro de 2018

Em bando

Quando achas que o teu dia-a-dia é assim:


... cheio, repleto!

Sem comentários:

Enviar um comentário