15 de dezembro de 2016

Post-its como prenda de Natal

O Afonso não podia faltar 4ª-feira à escola, ia ter uma surpresa. Mesmo adoentado não podia faltar.
Ao início da tarde de ontem, pelo jornal local, descobri que a surpresa era uma prenda de Natal da Câmara Municipal, cujo presidente e outras pessoas se deslocaram à escola para oferecer.
Quando cheguei, ao final da tarde, à escola para os ir buscar, achei estranho não ver nenhuma criança com algo na mão. Até que percebi o porquê, quando o Afonso me mostrou bastante desanimado. Ofereceram aos miúdos do 1º ciclo, uma caixa de plástico, de tão boa qualidade, que se separou logo em dois (atenção: o Afonso estava com o maior cuidado a manusear a mesma), com uma micro caneta, um micro bloco e micro post-its. Sim, a prenda de Natal foi post-its.
Será, mas será que não haveria nada pior? Ou quem sabe, talvez melhor? Será que mereceu o investimento? Não teria sido melhor oferecerem antes um Pai Natal de chocolate aos miúdos? Ou, quem sabe, para desgraças, não teria sido melhor não oferecer nada?
Foi a pior prenda que a Câmara Municipal ofereceu no Natal. Na realidade ofereceu algo pura e simplesmente para o lixo...


 

10 comentários:

  1. Qualquer um ficava desiludido :/
    Eu em criança reci uma vez um cd com histórias em nunca mais me esqueci.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mais valia não terem dado nada...

      Eliminar
  2. Pois, assim sendo mais valia não terem oferecido nada.

    ResponderEliminar
  3. Uhhhh... que falta de noçaõ.

    ResponderEliminar
  4. Hummm, dever ter sido resto de stock que tinham e acharam que ficava bem como prenda de Natal.. enfim!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Realmente deixam as crianças com expectativas e depois dão post-it...coitadinhos!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os miúdos ficam logo a achar que vão receber uma prenda: brinquedo ou um livro.

      Eliminar