30 de dezembro de 2016

2016 em revista

2016, não deixa saudades. Não foi um ano mau, mas também de bom nada teve. Por isso, 2017 te aguardo.

Ficam alguns dos momentos mais significativos de 2016.

Janeiro:


Começou o ano com a troca de escola do Afonso. Depois de uma má escolha, tivemos que voltar a pôr o Afonso no Centro Escolar do burgo. Infelizmente, os 3 meses que passou na outra escola, foram muito negativos. Ainda bem que o voltámos a mudar.


Fevereiro:


À muito que não íamos com eles à neve. Com a neve tão perto não se poderia perder a oportunidade. Não foi uma boa viagem, pois o meu marido vomitou o caminho todo, mas deu para os príncipes se divertirem um pouco.


Março


Tivemos a visita da prima (minha sobrinha). Todos gostam da Babi e tê-la um fim-de-semana é a loucura dos primos.


Abril


O João tinha um pequeno quisto no peito e foi retirado. Não era nada de especial, mas por vezes provocava-lhe dor e para um rapaz na adolescência pode ser constrangedor.


Maio


Novo carro aqui para a rainha do tasco. Novos stresses com esta questão, pois como "adoro" conduzir, ter novo carro é sinónimo de muitos nervos.


Junho



Férias. Que melhor que as férias? Uns dias a sul valem ouro. Os dias são de nós 7. Passamos o tempo todos juntos, sem correrias, sem stresses. Fazemos o que queremos todos juntos.


Julho


Com a minha sogra internada, o mês decorreu à volta da sua recuperação e das visitas ao hospital.


Agosto


O momento alto do mês foi a homenagem que no Santoínho fizeram a algumas senhoras de Darque que tinham participado na Parada da Senhora da Agonia, à 60 anos. Uma dessas senhoras foi a minha sogra. Um final de tarde passado de forma diferente.


Setembro


Com a ida do Mini para a escolinha foi necessário o desfralde. Correu melhor que o esperado. Numa semana o processo ficou concluído.


Outubro


A Noite de Bruxas foi o ponto alto deste mês. Os príncipes mais velhos convidaram os amigos e divertiram-se com eles.


Novembro


Um pedido chegou da escola: fazer uma roseta para depois se criar uma manta de rosetas grande, com as rosetas efetuadas pelos pais, no âmbito do projeto Namorar Portugal. Já à anos não tocava em croché, mas lá tentei e dei o meu melhor no projeto. Fiz mais que uma.


Dezembro


O primeiro ano que o Mini deu real importância ao Natal. Natal com miúdos é sempre especial.



Vamos ver o que nos reserva 2017.

7 comentários:

  1. Os meus votos de um fantástico, senão mesmo maravilhoso 2017, na companhia da tua tão simpática família!
    Beijinhos!
    :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. obrigada. Um beijinho grande. E 2017 que fique pelo bem na memória.

      Eliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Que venha 2017 com muita alegria!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom ano para vós também. Beijinho

      Eliminar
  4. Que família tão bonita!
    Que 2017 seja o bom ano para vocês!!
    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Joana
      Um bom ano também para vós.
      Beijinhos

      Eliminar